Iniciando na Corrida, dicas para correr com saúde e prazer.

Toda pessoa que começa a correr e que nunca tenha praticado esse esporte anteriormente vai ter dúvidas com relação a uma série de coisas que para corredores mais experientes podem parecer muito simples. Vou passar algumas dicas e sugestões que poderão ser bem úteis e evitarão que o corredor iniciante entre no método de tentativa e erro, possa principalmente prevenir futuras lesões e que não acabe em um processo de overtraining ( exagero de exercício físico).

Primeiramente o futuro corredor deve ter em mente que a corrida vai exigir de seu corpo um esforço que ele não está habituado a fazer e a adaptação pode levar algum tempo, portanto não se preocupe com quilômetros, 10k, 21k, maratona ou o que for. Concentre-se em correr sem sentir dores antes, durante ou depois da corrida e principalmente sinta-se bem e pronto para encarar um dia de trabalho com mais disposição.  Procure sempre um Educador Físico capacitado para orientá-lo e claro não comece a correr sem uma consulta médica prévia,  tomados esse cuidados vamos para a parte prática.

O calçado de corrida é um item muito importante e que gera muitas dúvidas nos iniciantes, há inúmeros modelos no mercado e muito investimento em tecnologia para melhorar cada vez mais os tênis de corrida. As pessoas pisam de forma diferente e um teste simples e rápido em uma loja especializada poderá direcionar o corredor para os modelos apropriados para seu tipo de pisada, o ortopedista também poderá ajudar nessa escolha. Um médico com experiência em trabalhar com corredores e conhecedor das diferenças existentes nos calçados para corrida, dará mais segurança ainda nessa aquisição.

Lembre-se que o tênis mais caro não é o melhor, experimente bastante antes de comprar, veja várias opções e tenha certeza de estar saindo da loja com o calçado apropriado para o seu esporte e para sua pisada.

Muito bem… calçado adequado, roupas adequadas, pronto para seu primeiro treino.  Não precisamos ensinar uma pessoa a correr, é um movimento natural. Para diferenciar a corrida da caminhada vamos partir do princípio que na corrida há momentos que os dois pés estão afastados do solo e quando andamos sempre há um pé apoiado no solo. Todo ser humano sabe correr mas o treinamento pode aprimorar isso, tanto no aspecto muscular quanto no cardiorrespiratório.

Inicialmente a pessoa deve alternar corrida com caminhada, ou seja  o Educador Físico irá determinar quanto tempo de corrida e quanto tempo de caminhada dentro do período estabelecido, que pode começar com 20 minutos e ir aumentando a cada semana.  Conforme o condicionamento melhore o período caminhado irá diminuindo e a corrida tomando espaço, até que o indivíduo esteja correndo o tempo predeterminado sem precisar incluir a caminhada.

Em uma metrópole como São Paulo pode ser difícil encontrar um local apropriado para a prática da corrida, prefira locais gramados ou terra batida. O aquecimento é imprescindível, antes de começar uma atividade física músculos e articulações devem ser preparados portanto não deixe isso de lado, crie o hábito de aquecer e isso o acompanhará por toda sua trajetória como corredor. O alongamento também pode ser feito após a corrida mas dê um tempo para seus músculos relaxarem, a frequência baixar, hidrate-se e aí sim faça alongamento.

Temos ainda a questão do controle de frequência cardíaca, nos primeiros treinos o relógio monitor de frequência  será importante para o seu treinador estipular uma zona alvo de treino inicial. Futuramente com a evolução do corredor essa zona alvo será alterada de acordo com a melhora do condicionamento e do tipo de treino realizado, treinos intervalados, séries com subidas, etc. No momento estamos começando a correr e não vamos pensar ainda nesse formato de treino.

Seguramente seguindo essas dicas e com profissionais capacitados a corrida trará grandes benefícios para sua saúde como um todo. Há um velho ditado mas que cabe em muitos momentos das nossas vidas que diz “ tudo que é em excesso não faz bem” , isso também vale para a corrida.

Bons Treinos!

Professor Daniel Costa

Trilopez assessoria esportiva